Meio de Campo + Henriquecendo.

À partir de hoje você pode acompanhar o meu trabalho também pelo blog do programa Meio de Campo, da Rede Minas.

Ôh povo desconfiado, sô…

O mineiro é tradicionalmente conhecido por ser desconfiado e por ter sempre um pezinho atrás com as coisas. Para muitos, chega até ser exagero e preocupação em excesso, mas em se tratando de futebol atleticanos e cruzeirenses estão cobertos de razão em estar “com a pulga atrás da orelha”.

Esta semana o Atlético anunciou a contratação de mais um goleiro: Fábio Costa, ex Santos.

Bicampeão brasileiro e campeão paulista, Fábio Costa causa preocupação por dois motivos: o primeiro é por não atuar há um ano, pois fraturou o tornozelo direito no dia 21 de junho de 2009, num jogo contra o próprio Atlético. O segundo motivo é o temperamento explosivo do goleiro, que pode atrapalhar o time em momentos decisivos.

Dentro de campo, Fábio Costa já demonstrou várias vezes ser um grande goleiro. Prova disso foi em 2001, quando foi convocado para a seleção brasileira, quando o técnico era Emerson Leão.

Já o Cruzeiro anunciou Alexi Stival, o Cuca, como o substituto de Adilson Batista. Cuca chegou com uma rejeição de 80% (pesquisa realizada pelo blog do cruzeirense) por parte do torcedor da Raposa.

Depois de tentar, sem sucesso, a contratação de Luis Felipe Scolari, Carlos Alberto Parreira, Ney Franco e Joel Santana, o presidente Zezé Perrela acabou optando pelo treinador curitibano, que iniciou sua carreira justamente em Minas Gerais, onde comandou o time do Uberlândia, em 1998.

Cuca tem em seu currículo apenas o Campeonato Carioca de 2009. No Rio de Janeiro, ganhou o rótulo de “Sempre Vice”, sendo o último conquistado na Copa Sulamericana do ano passado.

O último grande feito do treinador foi livrar o time do Fluminense do rebaixamento no Campeonato Brasileiro do ano passado (naquela ocasião a equipe das Laranjeiras chegou ao risco de 98% de cair para a série B). Em 2010, Cuca foi demitido após uma campanha ruim no campeonato estadual.

E o torcedor Americano, hein?
Na teoria, este não teria motivos para estar desconfiado, afinal, o Coelho é o vice líder do Brasileirão da Série-B com 14 pontos (4 vitórias, 2 empates e apenas 1 derrota), mas como bom mineiro que é, o torcedor do América ainda não está satisfeito com o que viu. A média de um pouco mais de mil pagantes por jogo deixa claro que ainda existe uma grande desconfiança por parte do torcedor americano.

Já no Vale do Aço, o torcedor do Ipatinga deixou a desconfiança de lado e está mais convicto do que nunca que a coisa não caminha bem, afinal, o Tigre corre um sério risco de ser rebaixado para Série C. No momento, o time ocupa a 18º colocação, com apenas três pontos conquistados, em 21 disputados.

E quando o assunto é seleção brasileira na Copa do Mundo da África do Sul, o que percebemos é que: “O BRASIL INTEIRO É MINEIRO”. HAJA DESCONFIANÇA!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: